Resenha: Entre Quatro Pares por B.A Paris

Comecei o ano bem em questão de livros. Comprei o livro Entre Quatro Paredes nos últimos dias de Dezembro e sem dúvida, foi uma das melhores compras literárias dos últimos tempos.

entre quatro paredes

Sinopse:

“Grace é a esposa perfeita. Ela abriu mão do emprego para se dedicar ao marido e à casa. Agora prepara jantares maravilhosos, cuida do jardim, costura e pinta quadros fantásticos. Grace mal tem tempo de sentir falta de sua antiga vida. Ela é casada com Jack, o marido perfeito. Ele é um advogado especializado em casos de mulheres vítimas de violência e nunca perdeu uma ação no tribunal. Rico, charmoso e bonito, todos se perguntavam por que havia demorado tanto a se casar.

Os dois formam um casal perfeito. Eles estão sempre juntos. Grace não comparece a um almoço sem que Jack a acompanhe. Também não tem celular, que ela diz ser uma perda de tempo. E seu e-mail é compartilhado com Jack, afinal, os dois não guardam segredos um do outro. Parece ser o casamento perfeito. Mas por que Grace não abre a porta quando a campainha toca e não atende o telefone de casa? E por que há grades na janela do seu quarto? Às vezes o casamento perfeito é a mentira perfeita.”

Minha Opinião:

Entre Quatro Paredes é um maravilhoso Thriller psicológico, daqueles que pegamos para ler e não queremos largar mais. Possui uma leitura fácil e bem fluída, que nos faz terminar a leitura em poucas horas.

entre quatro paredes

Começamos o livro sendo situados na mansão de Grace e Jack, onde o casal, considerados perfeitos para os amigos, estão oferecendo um jantar. Porém, os amigos do casal não sabem que cada palavra, expressão e movimento de Grace, está sendo observado e controlado pelo marido.

Quando Grace conheceu Jack, achou que tinha encontrado o homem dos seus sonhos. Jack não só era carinhoso com ela, mas também com Millie, irmã de Grace e que possui Síndrome de Down. Grace ficou nas nuvens quando Jack a pediu em casamento 6 meses depois e disse que teria o maior prazer em ajudar a cuidar de Millie.

Porém, o conto de fadas de Grace é destruído logo na noite de núpcias, onde ela se depara com um novo Jack, um completo estranho. Um monstro sádico que sente prazer em praticar o terror e o medo em Grace.

entre quatro paredes

A narrativa é extremamente viciante, e a história se alterna entre passado e presente. O Thriller psicológico nos faz sentir as emoções de Grace junto com ela. Da noite para o dia ela passa a viver o maior pesadelo da sua vida e tem que conviver com o medo diariamente.

A história é narrada em primeira pessoa, pelos olhos desesperados de Grace. Cuja impotência diante do marido, nos deixa angustiados juntamente com ela. Entre Quatro Paredes é um livro que consegue nos envolver facilmente e merece uma leitura.

Gostou da resenha? Deixe sua opinião nos comentários!

entre quatro paredes