Como lidar com as pessoas que você não gosta

lidar com as pessoas

Não seria perfeito se todas as pessoas que encontrássemos fossem legais, gentis, generosas e pensasse como nós? Elas entenderiam nossas piadas internas e nós a delas e viveríamos em uma atmosfera onde ninguém iria discutir, fofocar e causar intrigas sem motivo algum. Seria muito mais fácil lidar com as pessoas, não é mesmo?

Entretanto, não vivemos em um mundo perfeito e algumas pessoas vão nos deixar malucos e nós deixaremos outras malucas, isso porque cada um tem uma personalidade diferente, ninguém é igual a ninguém. Normalmente, aquelas pessoas que não gostamos não tem nada a ver com nós, tem aquele cara das piadas sem graças, tem aquela pessoa fofoqueira e maligna e tem aquela que questiona tudo sobre nós de uma maneira negativa e ainda assim espera que tudo continue bem.

Já é difícil viver as batalhas individuais de cada dia, imagina ter que lidar com as pessoas? Sobretudo aquelas com a personalidade difícil e complicada. Mas infelizmente faz parte da nossa rotina e é impossível gostar de todo mundo, mas podemos ser espertos e inteligentes o suficiente para saber contornar as situações. Baseado nisso, confira essas dicas para te inspirar e dar a volta por cima.

1 – Aceite que você não vai gostar de todo mundo

Simples assim. Mesmo que você tente ser a melhor pessoa do mundo, sendo legal, simpática e gentil, vai ser inevitável encontrar aquela pessoa que vai te deixar com o nervo a flor da pele. Pessoas inteligentes sabem que isso vai acontecer em algum momento da vida (mais cedo do que você pensa), e entendem que conflitos e discussões são resultados de valores e ideais diferentes. Ou seja, a pessoa que você não gosta, não é necessariamente uma pessoa ruim, ela apenas pensa e age diferente de você.

Reconheça isso e tente tirar o máximo proveito da situação, como por exemplo, nunca agir na emoção, as vezes precisamos ter um pouco de sangue frio e ser calculista, conseguindo avaliar os momentos com outros olhos, caso contrário, você vai acabar se prejudicando, enquanto a outra pessoa nem ser afetada.

2 – Trate aqueles que você não gosta com civilidade e educação

Seja qual for seus sentimentos em relação a uma pessoa, tente segurar as pontas o máximo possível, mesmo que você não suporte nem ver a sombra dela, pois da mesma maneira que você agir em relação a ela, ela vai reagir com você.

Ou seja, se você for rude com alguém, provavelmente você vai receber o mesmo tratamento e quem sabe, talvez você acabe precisando da pessoa, principalmente se for em um ambiente corporativo.

Então, procure ser imparcial, seja diplomata e mantenha a face sem expressão, melhor esconder as emoções do que deixar transparecer o seu desgosto, não é mesmo?

3 – Não crie expectativas

É bastante comum pessoas criarem expectativas irreais sobre outras pessoas. Esperando que os outros ajam e digam coisas como nós. Entretanto isso não é real, cada um tem a sua personalidade e age de uma maneira diferente. Então, criar expectativas em relação aos outros, apenas vai causar desapontamento e frustração.

4 – Respire fundo

Não adianta, algumas pessoas simplesmente tem o dom de deixar outras irritadas. Seja um colega de escola que não ajudou do trabalho e ainda assim recebeu a mesma nota que você, ou seja aquele cara chato que senta do seu lado no trabalho que só o fato dele estar respirando já te deixa passada.

Apenas respire fundo, vai te ajudar a acalmar e irá te proteger de acabar falando uma besteira e acabar reagindo de forma desfavorável para você mesma.

5 – Se distancie

Se nada do que foi citado funcionar e ainda assim você sentir o desejo psicopata de torturar e matar aquela pessoa, quando ela chegar perto, seja educada, pela licença e saia. Arrume alguma desculpa. Se for em ambiente de trabalho vá para outra sala, respire um pouco de ar puro, se for participar de uma reunião, sente do lado oposto. Ou se a pessoa sentar do seu lado, faça como eu em muitas ocasiões e fique com o fone no ouvido o dia todo.

Com um pouco de distância, perspectiva e empatia, você pode ser capaz de acabar conseguindo interagir com a pessoa, pelo menos para o que for necessário e desejar internamente que ela suma da sua vida o quanto antes. E de bônus vai aprendendo aos poucos como lidar com as pessoas ao seu redor.

Seria bem mais fácil se as pessoas que não gostássemos, simplesmente sumisse do nosso caminho. Uma pena que nem tudo acontece como desejamos.

O que vocês acharam dessas dicas? Já encontraram alguém que vocês não gostam? Me contem as histórias de vocês. É realmente complicado lidar com as pessoas, as vezes pensamos que seria mais fácil se pudéssemos viver individualmente e não em sociedade. Mas aposto que seria sem graça viver assim também.

Seguir

38 comentários em “Como lidar com as pessoas que você não gosta

  1. De uns dias pra cá, eu tenho pensado muito nisso por causa de um comentário inconveniente – e nada construtivo – que recebi. É realmente difícil lidar com pessoas que sentimos antipatia, acho que é ainda pior quando é recíproco, porque por menos que você faça pra irritar o outro, talvez ele não pense como você “Não gosto, então só vou evitar”, talvez ele pense o contrário “Não gosto e quero fazer a vida dele o pior possível”.
    Seria perfeito se cada um seguisse seu caminho, ou se restringissem a relação ao Bom dia e Boa noite, mas em alguns casos é preciso respirar beeem fundo, engolir o choro, o orgulho e continuar caminhando esperando que uma hora a pessoa vai parar de ser irritante e muito presente no dia a dia.
    Eu tinha a mania de fugir de pessoas que eu não ia com a cara, e isso me atrapalhava bastante, já até saí da faculdade por causa disso e hoje percebo que isso não é solução, pelo contrário, suas dicas amenizam o problema muito mais que uma fuga sem sentido. 😉

    http://www.normaldemais.com

    1. Quando é recíproco fica tão mais complicado! Ou seja, sabem que não se gostam e é como você disse, algumas pessoas sabendo disso, gostam de ir atrás só para fazer a vida do outro um inferno por puro prazer.
      Eu simplesmente ignoro a pessoa e não estou nem aí se ela sente que não gosto dela, porque não gosto mesmo!
      Fiquei triste em saber que você precisou até sair da faculdade uma vez, não posso nem imaginar o quão difícil deve ter sido para você ter tomado essa ação.
      Mas fico feliz em saber que você entendeu que essa é a solução, se fugirmos, apenas estaremos dando a outra pessoa o que ela quer, nos ver sofrer. O jeito é respirar fundo e encarar de frente!
      Sucesso para você!

      Beijos

  2. Lendo o seu texto me lembrei de uma coisa que um professor de português disse uma vez “geralmente nós não damos uma chance” ele estava falando de pessoas, e de como quase sempre falamos que não gostamos de algo ou alguém sem conhecer.

    E voltando ao texto, não acho que o mundo seria bom se todos fossem iguais como você sugeriu no começo do texto, o que mais gosto nos meus amigos é a diferenças deles cada um tem algo que eu gosto e admiro, acho que não me daria bem com pessoas que são iguais a mim…

    Beijos, Caroline (Amai Ame)

    1. A ideia no início do texto é que seria interessante se as pessoas não fossem tão más e negativas, algumas com a intenção de fazer a vida do outro um inferno por puro prazer. O fato delas serem gentis, humildes e pensar como nós, conforme sugerido, não significa necessariamente que elas seria exatamente iguais umas as outras, pois cada um pode ter essas qualidades e ainda assim ter a sua individualidade. O que define o ser humano dos outros “animais” é a capacidade de pensar por si só e ter a própria personalidade, isso é o que nos difere e cria a nossa identidade.

  3. This is awesome article and great tutorial, I really enjoy reading it, thanks Google for help to translate it. thanks for your sharing to all together. Regard

  4. Não tem nada pior que chegar em algum lugar toda animada, cumprimentar e sorrir pra alguém, e a pessoa ou não te responder ou murmurar “oi”, só acho kk Já aconteceu algumas vezes em lojas ou supermercados, ok que tem dia que a pessoa não tá legal e tudo mais, mas acho falta de profissionalismo, se eu como cliente faço meu papel sendo educada porque a pessoa não pode fazer o mesmo? Odeio pessoas mal humoradas :/ kk E sobre criar expectativas, em relação á minha vida pessoal, acabo criando bastante ás vezes, não é algo que tenha muito como controlar, sabe? Eu conheço alguém legal e imagino que a pessoa possa ser ainda mais legal do que aparenta ser, e geralmente é ao contrário kk Se distanciar em alguns casos é sempre a melhor opção. Adorei o post, ficou ótimo!
    http://www.espacegirl.com

    1. Eu sei bem o que é isso, a pessoa parece que odeia o trabalho dela e trata os clientes mal. Também tento ficar longe de pessoas mal humoradas.
      E eu sou especialista em criar expectativas, sempre acho que a pessoa vai ser legal e no fim, nada daquilo.

      Beijos

  5. nossa, se afastar e não criar expectativas é a melhor coisa. duro é que nem sempre conseguimos realizar isso né? e a gente acaba seeeempre achando que a pessoa vai melhorar haha

    beeeijo

  6. olha, esse post é ótimo. Viver em sociedade é complicado e todas essas dicas são ótimas para uma convivência pacífica com quem a gente não gosta e até com quem a gente gosta, sabe?
    é muito libertador aceitar que você não tem que gostar de todo mundo mas que você pode ser educado com todo mundo, porque pra que criar um clima ruim, né? :} Dá pra viver pacificamente com gente chata hahahahaahah

    Beijos,
    Isabella
    The Urban Trends

  7. Oi flor !!
    Infelizmente não vivemos em um mundo perfeito, onde todos se entendem e convivem bem né ?? Mas como dizem nem Jesus conseguiu agradar a todos, o que podemos dizer de nós mesmos !!
    Suas dicas foram maravilhosas !!
    Eu acho que por mais que não dermos certo com alguém nunca devemos de ter educação e respeito com ninguém !!
    Bjim

    blogpatyrezende.blogspot.com

  8. Acho que antes eu era meio difícil de conviver , tímida de mais, muito fechada era travada rs, mas depois de um tempo comecei a me soltar mais até fazer mais amizades … eu odeio provocação , mas sou muito vingativa se alguém pisar no meu calo arrumo um jeito de descontar haha. Adorei o post muito interessante e inteligente . Beijos
    http://blogcoisasdamaandy.blogspot.com.br/

  9. Meu problema é: sou sincera demais e não consigo quando não gosto de alguém. É horrível isso, mas sabe quando parece que fica estampado na sua cara que você não vai com a cara daquela pessoa? Eu trato com a maior civilidade (como você mesmo disse) cumprimento e tal mas não dá, não gosto nem de ficar perto porque se não vai ser pior HAHAHAHAHAHAH Aí faço o que você falou, saio. Melhor coisa! Beijosssss <3
    http://www.amandapaduan.com.br

    1. Sabe que eu era assim também? Mostrava meu desgosto na cara dura assim, hoje tento me controlar mais, mas se a pessoa for chata demais, não tem jeito, o esquema é sair de perto mesmo hahahahhaa.

      Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.