Conheça a série de sucesso The Handmaids Tale

A série The Handmaids Tale produzida pelo canal Hulu foi um surpresa e tanto e tem feito sucesso entre os críticos. A série que é inspirada no livro de Margaret Atwood, que recebe o nome de O Conto de Aia aqui no Brasil.

The Handmaids Tale nos apresenta um futuro repressivo, onde a infertilidade chegou ao mundo e poucas mulheres conseguem gerar filhos. O sistema é então dividido em castas, onde as poucas mulheres que conseguem gerar filho são enviadas para servir a alta classe, como se fossem concubinas (as chamadas aias no livro).

A série foca em diversos problemas que podemos encontrar no mundo atual, como a divisão de classes, os direitos entre as mulheres e os homens e a objetificação dos corpos.

Na história acompanhamos a vida de Offered (Elisabeth Moss), que foi sequestrada e separada da sua filha para se tornar uma concubina. No primeiro episódio somos apresentados ao presente e passado da vida da personagem, assim como nos episódios subsequentes.

Nos flaskbacks aprendemos como Offered chegou onde está. A personagem, apesar de tudo e tendo que se adaptar no novo mundo, é uma mulher forte que está fazendo de tudo para se adaptar e ter uma chance de encontrar sua filha novamente.

Vale muito a pena conferir The Handmaids Tale, a série já causou tão boa impressão que já foi renovada para segunda temporada. Além de Elisabeth Moss, encontra-se no elenco a Alexis Bledel (Rory de Gilmore Girls) e Joseph Fiennes.

Confira o trailer:

E aí, já tinha ouvido falar de The Handmaids Tale? O que acham de séries que exploram os problemas da sociedade? Deixem nos comentários!

2 filmes que nos passam uma lição de vida

Nada nos dá mais satisfação que filmes que além de servir de distração, nos trazem uma lição. Hoje comento sobre 2 filmes que nos passam uma lição de vida, mas se pararmos para observar, vamos ver que tem uma infinidade de produções que nos ensinam algo, seja na nossa vida pessoal ou profissional. Eu amo assistir filmes que nos fazem refletir, inspirar-se e motivar-se. Foi por isso que decidi falar sobre dois filmes que assisti e que consegui tirar algo de bom das produções.

1 – A Procura da Felicidade

Sei que parece super clichê, mas esse é um dos meus filmes favoritos. Podemos acompanhar Chris Gardner (Will Smith) ir parar no fundo do poço e ainda assim não desistir. Ele é despejado do seu apartamento, sua esposa, cansada da situação, o abandona e o deixa para criar o filho sozinho. Chis e seu filho, sem dinheiro algum, são obrigados a viver em abrigos. Mas Chris está determinado a conseguir uma vida melhor. Para isso ele se esforça muito, chegando a fazer um estágio sem remuneração, em busca de ser contratado pela empresa.

Podemos identificar em Chris a persistência e a força de vontade. E quantas vezes já não pensamos em desistir de tudo quando a situação fica um pouco mais difícil, não é mesmo? Mas aquela gotinha de força de vontade dentro de nós, nos faz seguir em frente.

Lição Aprendida:

Nunca deixe ninguém lhe dizer que você não é capaz de fazer algo.

2 – Orgulho e Preconceito

Meu filme favorito de toda a vida. Pode parecer apenas um romance, mas existe algumas mensagens por detrás, vou comentar de uma. Elisabeth Bennet (Keira Knightly) é uma entre 5 irmãs, vivendo no século 19, onde o sexo feminino vivia basicamente em função do sexo masculino. Na época, as mulheres não tinham direito à herança. E assim que o pai das meninas morressem, toda a herança da família ia para o membro masculino mais próximo da família. O que faria com que as meninas fossem deixadas sem dinheiro e sem casa.

Isso explica o desespero até meio irritante da mãe de Elisabeth ao tentar fazer com que todas as suas filhas se casem com homens ricos. Num dos bailes que acontece na história, Elisabeth cruza seu caminho com Mr.Darcy. Elisabeth logo mostra seu desprezo por ele, ao imaginar que ele é um homem arrogante e sem tato, considerando que é um dos homens mais ricos do baile. Conforme a história corre, descobrimos que Mr. Darcy na verdade é um bom homem, que acaba, inclusive, ajudando a família de Elisabeth.

Lição Aprendida:

Não julgue o livro pela capa.

E aí, o que acharam desses 2 filmes que nos passam uma lição de vida? Quais outros filmes que vocês assistiram que passou uma boa mensagem? Deixem nos comentários!

5 Filmes que se passam na escola

Quem ama filme com aquele ambiente de escola? Cheio de drama e que nos distraem por pelo menos uma hora e meia? Hoje vim compartilhar 5 filmes que se passam na escola que são bem clássicos na minha opinião e deveriam ser assistidos pelo menos uma vez na vida.

A Mentira

Conta a história de Olive (Emma Stone) que mente para sua amiga que perdeu a virgindade. A história é ouvida por Marianne (Amanda Bynes) uma garota extremamente religiosa. Logo a história se espalha pela escola e as pessoas começam a falar de Olive. Olive se sente dividida, ao mesmo tempo que gosta da atenção que está recebendo, ela se sente mal das pessoas a olharem como a vadia da escola.

As Patricinhas de Beverly Hills

Um super clássico, filme de sessão da tarde, mas que não dá para cansar de ver. A história acompanha Cher (Alicia Silvertone) que mora em Beverly Hills. Cher é filha de um advogado rico e a garota passa o tempo dela de forma bem fútil. Logo o enteado de seu pai, Josh (Paul Rudd) chega para passar um tempo na casa dela e tudo muda. No início ele a crítica pelo fato dela estar alienada do mundo real, nessas pequenas brigas que os dois tem, Cher acaba descobrindo que está apaixonada por ele.

Meninas Malvadas

Cady Heron (Lindsey Lohan) retorna aos Estados Unidos após ter crescido na África. A garota tem que se preparar para sua nova vida de estudante numa escola americana. Cady logo faz amizades duvidosas e percebe o quanto suas amigas podem ter a língua venenosa. Cady ainda, acaba gostando do garota errado.

10 Coisas que eu odeio em você

Conhecemos Bianca (Larisa Oleynik) que está louca para namorar. Porém, seu pai (Larry Miller) não permite, a não ser que sua irmã mais velha, Katharina (Julia Stiles) comece a namorar também. Porém, Katharina praticamente odeia o mundo e não tem nenhum amigo, quem dirá namorado. Cameron (Joseph Gordon-Levitt) que está apaixonado por Bianca, contrata Patrick Verona (Heath Leader) para seduzir Katharina e assim Bianca conseguir namorar alguém.

Cyberbully

Conhecemos Taylor Hillridge (Emily Osment), uma adolescente comum que ganha um notebook de presente de aniversário. Logo, a garota cria um perfil numa rede social e acaba recebendo bullying virtual. Ela passa a ser rejeitada pelos amigos na vida real e tenta superar a situação trocando experiências com pessoas que passam pela mesma situação.

E aí, quais desses 5 filmes que se passam na escola você já assistiu? Qual seu preferido? Deixem nos comentários!

3 motivos para assistir Bates Motel

Bates Motel é uma série de suspense psicológico que atualmente está na quinta temporada. Se você já assistiu o filme Psicose de Hitchcock está familiarizado com a história. Bates Motel vai contar a história antes do filme, de quando Norman Bates, o protagonista do filme Psicose era adolescente. Segue abaixo um pequeno resumo da série e 3 motivos para assistir Bates Motel, quem sabe você se inspira a começar uma nova série!

Sinopse:

“Acompanhamos Norma Bates, que decide se mudar do Arizona para a pequena cidade de White Pine Bay após a misteriosa morte de seu marido. Ela leva seu filho, Norman de 17 anos com ela. Norma compra um motel abandonado e uma velha mansão. Juntos, mãe e filho vão cuidar do motel. Acontecimentos suspeitos começam a acontecer e até morte. Norma e Norman passam a compartilhar um segredo obscuro.”

3 Motivos para assistir Bates Motel:

1 – Vera Farmiga

Sempre gostei muito da atriz Vera Farmiga, desde que assisti ao filme A Orfã onde ela era protagonista. Ela representa Norma Bates muito bem, com uma aparência maternal que engana muito bem os habitantes da cidade onde vivem, porém esconde uma personalidade forte, da qual seria capaz de fazer qualquer coisa para proteger o filho problemático.

2 – Poucos episódios por temporada

Não me entenda mal, eu adoro séries longas com 20 episódios. Porém, para Bates Motel, acredito que 10 episódios ficaram perfeitos. Não temos enrolações nos episódios e a história flui muito bem, não se tornando cansativa.

3 – Suspense

Eu amo um bom suspense. Conforme as temporadas vão passando e consequentemente a doença de Norman aumentando, a tensão sobe e nos deixa desesperados para um próximo episódio. A quarta temporada foi uma das melhores nesse quesito, na minha opinião. Fora isso, o ambiente em si, chama muito a atenção. A casa onde Norma e Norman moram, é a típica casa de filme de terror, misteriosa e com um porão que guarda alguns dos segredos da família.

E aí, o que acharam desses 3 motivos para assistir Bates Motel? Já assistiram algum episódio da série? Deixem nos comentários!

3 Filmes clássicos que você precisa assistir

Mesmo romance não sendo um gênero que eu curta muito, filmes clássicos e românticos sempre ocuparam um lugar especial no meu coração. Os inspirados nas obra da Jane Austen são meus favoritos. Quando estou naquele período que não sei o que assistir mas quero assistir algo, sempre acabo assistindo Orgulho e Preconceito ou algum outro. Hoje vou compartilhar 3 Filmes Clássicos que você precisa assistir pelo menos uma vez na vida.

Orgulho e Preconceito

Meu filme favorito para a vida. Inspirado na obra de mesmo nome da autora Jane Austen. O enredo é situado na Inglaterra de 1797, onde 5 irmãs foram criadas por uma mãe obececada em achar maridos ricos que garantissem o futuro das meninas e da família. Elisabeth, deseja mais do que casar e se dedicar à um marido, no que é totalmente apoiada pelo pai. Quando Mr.Bingley, um solteiro rico aparece na cidade, as irmãs ficam agitadas graças a influência da mãe. Jane irmã mais velha de Elisabeth logo parece que vai conquistar o coração de Mr.Bingley, enquanto Elisabeth conhece o amigo deste, Mr. Darcy que é rico, porém extremamente esnobe.

Jane Eyre

Já assisti várias versões da história inspirada na obra da Charlotte Bronte, mas essa versão de 2011 é minha favorita. Após uma infância triste, Jane Eyre (Mia Wasikowska) resolve se tornar uma governanta. Ele aceita um emprego no Thornfield Hall, onde conhece o misterioso e frio dono da casa, Sr. Rochester (Michael Fassbender). Aos poucos, eles se aproximam e Jane começa a se apaixonar pelo patrão. A jovem aproveita a recém descoberta felicidade, mas os segredos desse homem podem destruir esse sentimento.

Mansfield Park

Outro filme inspirado na obra também de mesmo nome da Jane Austen. Na história conhecemos Fanny Price, que é enviada pela família para viver com seus tios em Mansfield Park. A garota se esforça para se adaptar ao novo estilo de vida e já adulta começa atrair a atenção dos homens, aprendendo sobre a política sexual da alta sociedade ao longo do tempo.

E aí, o eu acharam desses 3 filmes clássicos? Já tinham assistido algum desses? Deixem nos comentários!

3 Motivos para assistir Riverdale

Logo quando pensei que ia ficar orfã de The Vampire Diaries e Pretty Little Liars, apareceu uma série, que espero que tenha vindo para ficar. Riverdale é uma série inspirada nos quadrinhos “Archie” de 1941. Até começar a ver propaganda sobre a série, eu completamente desconhecia as histórias em quadrinho “Archie”, então tudo que estou vendo na série é novo para mim e não posso comparar com os quadrinhos.

O enredo gira em torno do assassinato de Jason Blossom que acontece durante as férias de verão. Além do mistério do assassinato, vamos encontrar triângulos amorosos e muito drama familiar. Na história, acompanhamos Archie, Betty, Verônica, Jughead, Josie e seus amigos que vivem na pequena cidade de Riverdale. A cidade está se recuperando da trágica perda de Jason Blossom. Em meio a perda de Jason, Archie começa a ter uma crise existencial e resolve embarcar na realização de um sonho de se tornar músico, ao mesmo tempo que precisa lidar com seus sentimentos entre Betty e Verônica.

O que mais gostei é que a história é contada por um personagem da série, bem clima Scream sabe? O tom de voz e a história envolvida, causa mais impacto e drama. Se você ainda não está convencido a assistir, dá uma olhada em mais 3 motivos para assistir Riverdale.

1 – Mistério

Lembra bastante a série Scream em questão de mistério. Logo quando se inicia a série apenas sabemos que Jason Blossom desapareceu durante o verão, mas logo seu corpo é encontrado e descobre-se que ele foi assassinado. A partir disso uma série de mistérios toma conta, quando Jason foi assassinato? Porque? Teria ele um caso incestuoso com sua irmã gêmea?

2 – Amizade

Nos deparamos entre o triângulo amoroso entre Archie, Betty e Verônica. Porém é interessante ver as duas meninas, mesmo em meio a brigas colocarem a amizade acima da paixonite do colégio.

3 – Trilha Sonora original

Achei super bacana que a trilha sonora é composta por Josie and the Pussycats, uma banda fictícia formada na série, e elas cantam muito! E quem não gosta de músicas novas? Vale a pena incluir na playlist.

Trailer

Para concluir, eu achei a série bem interessante e o mistério do assassinato será resolvido logo na primeira temporada, o que é ótimo, pois ninguém quer que se arraste igual Pretty Little Liars né. Se você está a procura de uma série com mistério, romance e drama, vale a pena conferir Riverdale.

E aí, já tinha ouvido falar de Riverdale? O que acharam dessa nova série? Deixem nos comentários!

3 Filmes legais que estreiam em Março

O ano de 2017 está realmente bom em relação a filmes. Lista grandes de estreias para cada mês, mas hoje vim compartilhar 3 filmes legais que estreiam agora em Março. Um deles muito aguardado inclusive. A Bela e a Fera, com nada mais, nada menos que Emma Watson, a eterna Hermione Granger de Harry Potter. Apesar de guardar com carinho esse personagem dela, vai ser interessante vê-la dar vida a Bela.

Também temos Kong: Ilha da Caveira, em 2005 teve o primeiro filme onde pudemos conhecer o mítico King Kong. Esse novo filme, não sei dizer se será a sequência do primeiro filme ou uma nova história. Por último temos o filme de Cora Coralina, famosa poeta brasileira que publicou seu primeiro livro aos 75 anos.

Confira abaixo os trailers e sinopse dos filmes:

1 – Kong: A Ilha da Caveira (09/03/2017)

Acompanharemos um ex-militar que viaja com um grupo de pessoas até a Ilha da Caveira a procura do seu irmão que desapareceu. Além de procurar pelo irmão, o grupo vai encontrar criaturas que habitam na ilha. Acompanharemos muitas aventuras na ilha que é ao mesmo tempo linda e traiçoeira. Eles mal sabem que ao chegar na ilha, estarão no domínio de King Kong.

2 – A Bela e a Fera (16/03/2017)

Versão Live Action de A Bela e a Fera. Bela vive em uma pequena aldeia. Seu pai é então capturado pela Fera. Bela oferece sua vida em troca da liberdade do seu pai. No castelo, Bela vai encontrar elementos mágicos e descobre que a Fera é na verdade um príncipe.

3 – Cora Coralina Todas as Vidas (30/03/2017)

No filme de Cora Coralina teremos uma mistura de realidade e ficção, onde conheceremos a história da poeta brasileira. Cora trabalhou com doceira praticamente sua vida toda, publicando seu livro somente aos 75 anos.

E aí, o que vocês acharam desses 3 filmes legais que estreiam agora em Março? Bora assistir cada um deles?

5 Filmes para assistir com Emma Roberts

Hoje vim compartilhar 5 filmes para assistir com Emma Roberts. A atriz de 25 anos tem ganhado mais destaque ultimamente, ao dar vida a personagem Chanel Oberlain no seriado Scream Queens. Além de Scream Queens, ela participou de outras séries de sucesso, como American Horror Story, da qual ela participou de 2 temporadas.

Eu passei a gostar dela e assistir aos filmes que ela participava após assitir o filme Garota Mimada (Wild Child) de 2008. Era bem o tipo de filme que gostava de assistir na adolescência. Após esse filme, passei a assistir todos os filmes que ela participava e hoje vim compartilhar com vocês os meus favoritos.

1 – Garota Mimada

Poppy, interpretada por Emma Roberts é uma adolescente rica e mimada que leva uma vida de princesa em Malibu, na Califórnia. Para combater a rebeldia da filha, seu pai a enviar para estudar num colégio interno na Inglaterra. Poppy de cara não se dá muito bem com as demais colegas na escola, que não toleram sua arrogância e a garota ainda tem que enfrentar a diretora da escola que não é nada agradável.

Eu adoraria ter a experiência de estudar num internato inglês.

2 – Nancy Drew e o Mistério de Hollywood

Nancy Drew, interpretada por Emma Roberts é uma adolescente que gosta de bancar a detetive na pequena cidade onde mora. Um dia, ela acompanha seu pai numa viagem de negócios a Los Angeles. Mesmo proibida pelo pai de fazer qualquer investigação, a garota escolhe a casa onde vão morar, que nada mais é a mansão da estrela de cinema Dehlia Draycott, que fora assassinada há muitos anos. Nancy Drew começa a investigar o assassinato e devido a isso, começa a receber estranhas ligações anônimas. Ela tenha descobrir se o caseiro da mansão está por trás do crime. O filme reúne mistério, aventura e claro, um pouco de romance.

3 – Aquamarine

Claire, interpretada por Emma Roberts e Hailey são grandes amigas, que encontram uma sereia chamada Aquamarine em uma piscina após uma tempestada. Aquamarine, fugiu de casa devido a um casamento prometido. A sereia quer apenas encontrar seu amor verdadeiro. Claire e Hailey se oferecem para ajudá-la e as três vão viver grandes aventuras.

4 – Pânico 4

Sidney Prescott, personagem principal dos filmes anteriores é agora uma famosa escritora que está fazendo uma turnê pelo país. Em sua última parada, ela passa pela sua cidade natal onde perdeu os amigos e a mãe, todos assassinados. Ela chega justamente no período que os assassinatos fazem aniversário e coincidência ou não, dois adolescentes acabam de ser assassinados. O assassino está atrás de Sidney novamente e também está atrás de sua família, sua tia Kate e sua prima Jill Roberts (interpretada por Emma Roberts). Sidney precisa lutar para salvar sua prima e seus amigos do novo assassino.

5 – Nerve

Vee DeMarco, interpretada por Emma Roberts é uma tímida garota, que não tem nada de especial e está prestes a sair do Ensino Médio e ir para a Faculdade. Após uma discussão com sua amiga Sydney, ela resolve provar que tem atitude e decide se inscrever num jogo online chamado Nerve. O jogo é dividido entre observadores e jogadores, sendo que os observadores decidem as tarefas a serem realizadas pelos jogadores. Logo em seu primeiro desafio Vee conhece Ian, um jogador que possui um passado obscuro. Os observadores se interessam por eles e passam a enviar cada vez mais tarefas para o casal em potencial.

E aí o que acharam desses 5 filmes para assistir com Emma Roberts? Já tinham assistido algum? Deixem nos comentários!

4 motivos para assistir 3%

3% é uma série brasileira produzida pela Netflix. Relutei muito em assistir a série, pois pessoalmente não curto séries brasileiras por não terem o gênero que normalmente assisto. Sou mais ligada em séries de suspense e ficção. Porém 3% foi uma surpresa agradável, pois é diferente de tudo o que já vi aqui do Brasil. Ela tem uma mistura de Blac Mirror, por ser tecnológica e Jogos Vorazes, devido os personagens terem que passar por uma série de provas. A série contém 8 episódios, e com certeza você vai querer terminar no dia. Confira a sinopse abaixo e depois dê uma olhada nos 4 motivos para assistir 3%:

“Começamos com a série ambientada num futuro pós apocalíptico, onde o mundo é agora um lugar devastado. O Continente, como chamam é uma região do Brasil miserável, onde as pessoas passam fome e não tem recurso algum. Porém, quando uma pessoa completa 20 anos de idade, ela tem a chance de passar pelo que eles chamam de Processo, que nada mais é do que provas físicas e psicológicas que oferece as pessoas a chance de ir morar em Mar Alto. Mar Alto consiste em um lugar com recursos e oportunidades, todos sonham em ir para lá, mas só 3% dos inscritos vão conseguir.”

Gostou da sinopse? Então dá uma olhada nesses 4 motivos para assistir 3%:

1 – É diferente

Se você acha que vai começar a assistir e encontrar semelhanças com conteúdos produzidos no Brasil, esquece. 3% é diferente de tudo que você já viu por aqui. Se você já assistiu a série Black Mirror ou aos filmes dos Jogos Vorazes, as chances de você gostar de 3% são altas.

2 – É Complexa

Não é uma série para apenas passar o tempo. 3% é uma série complexa, que deixa o espectador cheio de perguntas, fazendo-o assistir aos episódios um atrás do outro, com esperança que suas perguntas serão respondidas.

3 – É pós apocalíptica e futurista

Quando pensamos em uma série pós apocalíptica, logo imaginamos que os personagens vão passar dificuldades, pois a falta de recursos é mais do que esperada. Porém, em 3%, apesar do mundo destruído há um lugar chamado Mar Alto, onde as pessoas não passam necessidade, tendo recursos em abundância. Esse choque de diferenças, em grau mais elevado, lembra muito a sociedade brasileira e do mundo em geral.

4 – Tem diversidade no Elenco

Estamos acostumados a encontrar personagens com uma certa características na televisão. Porém em 3% encontramos personagens que vão da menina branca à menina negra, tendo até pessoas com deficiência, sendo inclusive protagonistas. É interessante ver todos os tipos de pessoas sendo representadas como protagonistas, pois o mundo é assim não é mesmo? Não temos um padrão de pessoas.

Trailer:

Concluindo, é interessante que a Netflix tenha produzido a séria, dá orgulho ver o Brasil sendo representados por atrizes e atores bons e dando como resultado uma série que gera questionamentos e é de qualidade.

E aí, se interessou pela série? O que achou desses 4 motivos para assistir 3%? Deixem nos comentários.

Para assistir: Desventuras em série

A série de livros Desventuras em Série do Lemony Snicket são meus livros favoritos depois de Harry Potter. Eles marcaram muito a minha infância e depois de adulta comprei os livros e os reli. Assisti o filme quando lançou e quando saiu a notícia que a Netflix ia fazer série de TV inspirada nos livros, meu coração bateu mais forte.

Na série, contamos com um elenco de encher os olhos, tendo Neil Patrick Harris (não consigo mais imaginar o Conde Olaf sendo interpretado por outra pessoa), Malina Weissman, Louis Hynes e Presley Smith. A série contém apenas 8 episódios, então chorei lágrimas de sangue, pois eu veria mais de boas. Os 8 episódios contam a história dos 4 primeiros livros, como temos 13 livros, espero do fundo do coração que a Netflix faça mais temporadas.

Desventuras em série nos conta uma série de eventos trágicos dos irmãos Baudelaire, Violet, Klaus e Sunny. As crianças se tornam órfãs após a mansão onde moravam pega fogo, e acaba matando seus pais. Após a morte dos pais, as crianças são levadas para morar com o terrível Conde Olaf, que fará de tudo para colocar as mãos na herança das crianças. Violet, Klaus e Sunny precisam fazem de tudo para despitar Olaf, sempre criando planos mirabolantes e muito inteligentes na tentativa de frustrar os planos malignos do Conde Olaf e investigar a misteriosa morte de seus pais.

Como vocês podem ver, apesar de ser uma história mais infanto juvenil, podemos encontrar mistério, investigação e drama, pois acreditem, as crianças passam por tanto perrengue que é difícil segurar aquela lágrima que insiste em escorrer pelo rosto. Um único detalhe que não gostei na série, foi que o narrador fica interrompendo a cena para contar a história. Tudo bem que no livro temos a intervenção do narrador ocorre bastante, mas na série achei que ficou chato.

Tanto nos livros, quando no filme e série (com alguma adaptação), Lemony Snicket nos dá o seguinte aviso:

“Caro telespectador, se você está procurando uma história com final feliz, procure em outro lugar. Esta história não tem final feliz, nem começo feliz e muito poucas coisas felizes no meio.”

Confira o trailer abaixo:

Fala se não dá uma baita vontade de continuar assistindo? Haha, eu curti muito, tanto os livros, filme e a série.

E aí, vocês já tinham ouvido falar de Desventuras em Série? O que vocês acharam da história? Da adaptação? Deixem nos comentários!