8 Dicas para você se preocupar menos

Via de regra, dedicar seu tempo, pensando em algo é uma coisa boa, mas enquanto tem pessoas que não pensam ou se preocupam, outras se preocupam até demais. Algumas pessoas se colocam em um estado de estagnação, frustração, exaustão e ansiedade. Elas fazem do simples, o complexo e do fácil, o difícil e o menor dos problemas, se tornam o maior drama para ela. Desperdiçam o tempo analisando tudo e todos. São especialistas em interpretar errado o que as pessoas estão dizendo e mesmo que não tenha motivo algum para se magoar com um assunto, elas vão encontrar um. São obcecadas, compulsivas e perfeccionistas demais. Basicamente elas se preocupam demais com praticamente nada.

Você se identifica com alguns dos itens citados acima? Eu certamente me identifico, embora eu tenha conseguido mudar já há algum tempo. Viver em preocupação, não é saudável, mentalmente e fisicamente. Eu era uma das pessoas mais preocupadas do mundo. Eu tinha um problema. Se as coisas não acontecessem como eu tinha planejado, tudo estava perdido. Um exemplo, eu sou obcecada com horários, ainda sou um pouco, mas melhorei, acredite. Eu tinha horários para tudo, como levantar todos os dias as 6 horas. Tomar café por no máximo 30 minutos, ler um livro em determinado horário e se alguém me interrompesse em alguns dos “meus” horários, eu ficava irritadíssima. É legal ser organizado, mas não precisa girar sua vida ao redor de “horários”. Eu chegava a perder noites de sono por assuntos ridículos com algo que alguém tinha falado e eu interpretava de uma outra maneira e já criava um cenário todo para o assunto e acabava brigando com todo mundo.

Um dia eu parei e pensei, meu, os anos estão passando assustadoramente rápido e se eu passar 24 horas do meu dia se preocupando com o que as pessoas vão pensar ou o que vai acontecer se eu perder 30 minutos em uma coisa que era para levar 10 minutos, eu não vou viver. E eu quero viver. Não quero chegar nos meus 70 anos e olhar para trás e ver que o máximo que eu fiz, foi conhecer o shopping da cidade. Eu quero conhecer o mundo, não quero pensar no dia do amanhã, não quero pensar nem na próxima hora, quero viver o presente. E se não tem motivos reais para se preocupar, porque gastar energia com um assunto que em nada vai mudar minha vida? Não estou falando para vender tudo e ir vender coco na praia (não que isso seja um problema), estou falando em levar as coisas com mais calma. Não é o fim do mundo. Ainda.

girl-flowers

Veja algumas dicas legais abaixo:

1 – Se preocupar com coisas ruins não vai impedir elas de aconteceram, só vai te impedir de aproveitar as coisas boas da vida.

2 – Pare de deixar as pessoas que fazem tão pouco por você, controlar a sua mente, sentimentos e emoções.

3 – Pensar demais acaba com você. Acaba com a situação, estraga as coisas ao redor e te faz se preocupar a toa pensando que as coisas são piores do que realmente são.

4 – Para de esperar por perfeição (o melhor momento, a melhor condição), para fazer o que você sabe que deveria ter feito um bom tempo atrás.

5 – Não assuma. Aja com fatos.

6 – Seja mais proativo, faça coisas! Saia da teoria e vá para o prático. Vá fazendo um pouco a cada dia para você chegar aonde você quer.

7 – Faça as perguntas certas a você mesma(o). Aquelas que vai te colocar mentalmente em um estado positivo, prático e produtivo. Identifique o problema, mas foque na solução.

8 – Pare de tentar achar justificativas para algo que você não está fazendo. Seja honesto com você mesma(o).

E aí? Vocês são preocupadas(os) demais também? Deixe sua opinião nos comentários!

4 comentários em “8 Dicas para você se preocupar menos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.